Livrando-se da tendinite no Caminho de Santiago






Estetoscópio

A tendinite é definida como uma inflamação no tendão. O músculo é um tecido especializado que nos membros tem a função de movimento. Nas extremidade dos músculos existe uma transição de tecido muscular para um tecido fibroso que adere a parte óssea. Esse tecido fibroso altamente resistente é chamado de tendão. Durante um movimento com os membros inferiores exercitamos dezenas de tendões. Ao nível das articulações existem muitos tendões e ligamentos. Embora sejam tecidos altamente especializados e resistentes, as vezes há uma alteração em sua estrutura causada por movimentos abruptos ou excessivos. Essas alterações as vezes são microscópicas e causam intensa dor, vermelhidão, inchação ou edema e perda funcional do tendão ou tendões envolvidos. O mesmo acontece com os ligamentos articulares. Outras vezes as lesões são mais extensas e os sintomas mais severos. A tendinite é diferente da torção embora possa compartilhar os mesmos agentes etiológicos.

Como tratar uma tendinite?

Primeiramente não se sinta o(a) pior dos mortais. Nem considere que seja um aviso divino de sofrimento que deva ser sentido e seguido sem tratamento. Na maioria dos casos as tendinites são simples. É importante que logo após o inicio de dor localizada se interrompa a caminhada o mais rápido possível. Muitas vezes estaremos diante de uma lesão pequena e, embora com dor tolerável, a tentação de continuar a caminhada é grande. O risco é estender a lesão e o que poderia ser um breve tratamento se transforma em algo mais complicado, ameaçando o restante do Caminho. O tratamento é simples para as formas simples de tendinite: a aplicação de gelo prolongado, dentro de um saco plástico envolvido em uma toalha para evitar o contato direto do gelo com a pele. Elevação do membro para reduzir o edema ou inchação, analgésico para a dor e um anti-inflamatorio. A Aspirina é um excelente anti-inflamatório e de fácil acesso. Dois comprimidos de 325 mg quatro vezes por dia com as refeições. Deve-se dar preferencia a Aspirina revestida para evitar irritação do estômago. Pomada ajuda na massagem, porem sem efeito sistêmico documentado cientificamente. Talvez valha a pena descansar por um dia ou dois. Massagear a área levemente várias vezes ao dia.

Em caso mais grave onde a dor seja insuportável, com inchação ou edema grande se deve procurar um médico, e sua orientação deva ser seguida rigorosamente. Os médicos ao longo do Caminho tem muita experiência com tendinite e na minha opinião são bastante liberais. Algumas vezes eu achava extremamente liberais. Pouco são os casos de interrupção permanente do Caminho, embora nos casos severos o repouso e as medicações acima devam ser seguidas por alguns dias. A recuperação pode parecer surpreendente com um pouco de repouso e redução do esforço diário . Nunca menospreze um conselho médico. Você sempre tem direito a uma segunda opinião, mas nunca menospreze a primeira ate ouvir, se necessário, a segunda opinião. Converse com o responsável pelo Albergue e ele (a) lhe ajudará no que for possível, inclusive se precisar estender sua estada.

Como evitar uma tendinite?

A preparação física é muito importante. O tecido muscular durante o condicionamento se hipertrofia ou cresce e tensiona os tendões de suas extremidades, aderidos ao tecido ósseo. Portanto siga uma rotina de alongamento antes das caminhadas. Se não tiver paciência para faze-lo ande devagar durante os primeiros 10 minutos de caminhada. Evite também andar longas caminhadas, aquelas de mais de 35 quilômetros por dia. Caminhe com dois bastões. Verifique o peso da mochila, evite excesso desnecessário, encha sua mochila de forma balanceada. Cuidado com os pés, a presença de pontos dolorosos faz com que haja uma modificação do caminhar e uma sobrecarga em um dos lados do corpo. Se você tem obesidade, não tem costume de andar ou não teve tempo de preparar-se para o caminho, ande devagar. Tente 10-15 quilômetros por dia e aumente gradualmente sem forcar. Lembre se que o Caminho estará sempre lhe esperando.


Livrando-se da tendinite no Caminho de Santiago Livrando-se da tendinite no Caminho de Santiago Editado por saude.chakalat.net on 06:03 Nota: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.